Os tais blogs de moda

Fiz uma pesquisa, durante esses dias em que a greve dura, para escrever uma dissertação para a matéria de Teoria da Comunicação. Pesquisei sobre os blogs de moda e a sua influência na democratização e difusão de tendências, e do uso que a publicidade faz desses meios.

Após visitar muitos deles (muitos mesmo), reparei algumas coisas que não pude por no trabalho final, mas achei importante ressaltar.

A Thereza Chammas, do Fashionismo, falou aqui, de uma forma bem interessante o papel dos blogs na difusão de tendências vistas na passarelas, e que, de primeira, não pareciam nem um pouco usáveis, mas acabaram ganhando nossos corações guarda-roupas.

Só encontrei um ponto bem negativo depois de todos o trabalho que tive: constatar que a grande maioria dos blogs tem servido para a promoção da vida pessoal das blogueiras. Claro, quem sou eu pra falar disso? Ninguém. Só uma pessoa que observa. Mas, com a maior profissionalização desses meios, acredito que certos toques tão pessoais não cabem mais – até porque, a maioria dos blogs que acessei já eram ferramentas de trabalho, e não mais diários pessoais (salvo, é claro, nas tags como look do dia, que tem como função inspirar as leitoras, né?!).

 Imagem

Menção honrosa ao Fashionismo e ao Um ano sem Zara (que apesar de ser totalmente pessoal, segue a proposta desde o princípio, com um profissionalismo despretensioso e, como a própria autora diz, ajudando mulheres a conviverem com seus guarda-roupas).

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s